Buscar
  • agromotivageo

COVID-19, escassez de matéria-prima desafia o nosso mercado





A crise da COVID-19 se expandiu rapidamente de uma crise de saúde, para uma crise que afeta diversas áreas da vida e muitas áreas de negócio estão sendo impactadas, principalmente com a falta de insumos para a indústria, como têxtil, construção civil e transformadores de plásticos, o que consequentemente aumenta o preço de matérias-primas.

De acordo com a Abiplast (Associação Brasileira da Indústria do Plástico) há um problema de oferta de PVC, polipropileno e polietileno, em que os ajustes chegam a superar os 30%. Para a Agromotiva esse é um dos grandes desafios enfrentados no período, já que nossa matéria-prima é o PEAD (Polietileno de alta densidade).

No cenário atual, as empresas estão preferindo absorver parte desse impacto, reduzindo ainda mais as margens de lucro, mas também enfrentam a situação em que os produtores preferem exportar por causa do câmbio favorável, já que o mercado nacional de plásticos é integrado ao mercado internacional e como algumas indústrias estrangeiras tiveram sua produção reduzida por conta da pandemia, houve a necessidade da venda de matérias-primas nacionais para atender a demanda estrangeira.

Na Agromotiva, estamos em contato diário com as atualizações do mercado, visando um planejamento eficiente, busca de alternativas e novos negócios, para honrar nossos contratos, com menor impacto para nossos clientes.

Quer saber como estamos fazendo isso? Entre em contato conosco!




13 visualizações0 comentário